Compra de seguidores, curtidas, visualizações…

Como você sabe que não está sendo enganado?; existem alguns sites que já mostram quem compra seguidores
 

Mesmo depois que o Instagram passou a esconder as curtidas e comentários, muitas pessoas continuaram com a história de comprar seguidores e ganhar a tão sonhada “FAMA”.


Você sabia que qualquer um pode se transformar em uma celebridade nas redes sociais da noite para o dia? Basta comprar likes, comentários e seguidores. Um relatório da empresa de segurança Trend Micro mostra que é possível comprar 300 mil seguidores no mercado chinês por 2.600 dólares (cerca de R$ 8 mil). Com isso, a pessoa começa a comercializar seu perfil ganhando dinheiro ou fazendo permuta com troca de serviços.


Existem alguns sites que já mostram quem compra, e é possível saber também através dos seguidores. Eu utilizo uma técnica simples: digito as letras Moha ou Moh ou Mohamed que já vem aquele monte de perfis falsos que foram comprados para encher linguiça e que nunca vão gerar resultados para você nem para a sua empresa, porque nem no Brasil eles estão, imaginem então na sua região.
Ahhh, mas a pessoa me mostrou as visualizações, comentários, curtidas, mostrou a segmentação por meio de local, faixa etária e sexo. Hellooooooooo! É possível comprar tudo, tudo, dinheiro compra tudo, ops, ou quase tudo. Sabe o que dinheiro não compra? O cliente entrar na sua loja e comprar o seu produto. Isso um influenciador só consegue se ele tiver seguidores reais e souber vender o seu negócio.


Fico triste quando vejo alguns amigos contratando possíveis influenciadores que “ninguém nunca ouviu falar”, que vendem mentiras e que estão iludidos com um mundinho que eles projetaram em suas mentes.


Eu digo sempre que todos nós que possuímos uma rede social acabamos influenciando o outro de alguma forma. Não importa a quantidade de seguidores, porque se eu publico um produto e uma pessoa vai lá e compra, ela foi influenciada por mim.


Existem vários influenciadores supercompetentes que dão resultados incríveis, e, com certeza, na sua região um conhece o outro. Se você contrata alguém que tem 40 mil seguidores, mas a maioria nunca ouviu falar, pode correr, não vai te gerar resultado e você está sendo enganado.


Vou dar exemplos aqui do interior do Rio. Tenho vários amigos influenciadores e que trabalham sério, que geram resultados, que possuem grupos onde trabalham juntos e um indica o outro, quando o produto ou a marca tem mais a cara de um ou de outro.


Em uma conversa com um deles, fizemos alguns levantamentos de pessoas de Barra Mansa, Volta Redonda e Resende e percebemos que apareceram nesses últimos dias mais de 15 influenciadores que nunca ouvimos falar e muitos já comprando seus seguidores para conquistar o meio. Mas aí fica a pergunta: O famoso quem?


Todo mundo tem o direito de querer ser algo, de começar, de se projetar, mas é necessário gerar resultados, e se o seu público não for real, que pena, você está sendo desonesto e um dia a máscara vai cair.


Você pode ser o que quiser, mas comece sendo correto, honesto, gere conteúdo que atraia o interesse das pessoas, impulsione, chame os amigos para divulgar, mexa-se sem comprar!

 

Fonte: diario do vale

 

Please reload

Posts Recentes
Please reload

  • Wix Twitter page
  • Wix Facebook page
  • Wix Google+ page
  • LinkedIn Social Icon