6 motivos para ter o BYOD na empresa e reduzir custos

Os funcionários BYOD estão ganhando uma média de 37 minutos de tempo produtivo por semana.

Permitir o BYOD, ou seja, que os colaboradores utilizem na empresa o dispositivo pessoal (tablets ou smarphones) já é uma realidade no mundo todo. Esse fato deixa o colaborador mais a vontade para usar os equipamentos ou aplicativos que mais o agrada facilitando a realização das suas tarefas profissionais.

As corporações perceberam que os usuários de dispositivos no espaço corporativo estão sempre à frente da vanguarda tecnológica e os gerentes perceberam que é mais vantajoso “dar” essa liberdade ao funcionário do que proibir e proporcionar um ambiente de trabalho ruim. De acordo com a consultoria americana Gartner, 38% das empresas esperam parar de fornecer dispositivos aos empregados até 2017 e metade vai exigir que os trabalhadores usem seus próprios dispositivos para fins de trabalho.

Apesar de ser uma realidade tecnológica em diversas empresas, há riscos para a segurança corporativa. No entanto, se implementado corretamente, o BYOD pode colocar a companhia a frente da concorrência, aumentando a produtividade, eficiência e rentabilidade.  Além desses benefícios, uma estratégia abrangente de BYOD pode economizar dinheiro em termos de hardware, suporte de TI e de serviços de telecomunicações.

Pesquisas da Cisco estimam que as empresas podem obter economias de custos de US$ 111 por empregado ou uma economia líquida de US$ 8 por empregado. A Gartner estima que os custos das empresas para apoiar um trabalhador que utiliza o BYOD subirão para US$ 300 por ano até 2016, acima dos US$ 100 atuais, mas o investimento pode valer a pena.

 

Abaixo, confira seis motivos que garantem eficiência com o BYOD:


1- Redução de custos

O benefício mais evidente é que os programas geralmente transferem os custos para os funcionários. A maioria das pessoas já possui dispositivos adequados, economizando o dinheiro da empresa em hardware, dados e serviços. Segundo um relatório da Good Technology, 50% das empresas com programas de BYOD estão exigindo que os trabalhadores paguem os custos operacionais dos dispositivos, medida que vem sendo adotada com sucesso em muitas empresas.

 

2- Satisfação do empregado

Usar o próprio dispositivo no trabalho deixa os trabalhadores mais felizes e confortáveis. De acordo com uma pesquisa sobre software da consultoria Avanade, 37% das organizações que aceitam o BYOD registram casos de funcionários mais eficientes e satisfeitos com o trabalho.

 

3- Acessibilidade

Por trabalhar com o próprio dispositivo o BYOD, os funcionários acabam se tornando mais acessíveis, o que por outro lado pode se tornar um problema devido ao acúmulo de horas extras. Conforme relatado na pesquisa BMC Software, funcionários que trabalham em empresa que praticam o modelo BYOD trabalham, em média duas horas a mais e enviam mais de 20 e-mails extras por dia. Um em cada três trabalhadores BYOD trabalha das 6h às 19h e um em cada quatro entre 11h e meia-noite.

 

4- Retenção de talentos

Tendo crescido com a tecnologia, a geração Y é ávida por tecnologia e não há dúvida de que a geração do milênio quer empregadores que apoiem o BYOD. Mas por que eles são tão importantes? Em 2015, a geração Y se tornará o maior segmento da força de trabalho, segundo o Bureau of Labor Statistics. Isso está colocando pressão sobre as empresas para implementar táticas para recrutar e reter jovens talentos e o BYOD ajudará nessa questão.

 

5- Aplicativos móveis

Enquanto a maioria dos colaboradores usa o dispositivo para tarefas básicas, como por exemplo, e-mails ou leitura de documentos, o BYOD dá a opção de tirar vantagem de aplicações móveis que simplificam os processos de negócios.

 

6- Aumento da produtividade

Todos esses fatores combinados capacitam os funcionários que por sua vez aumentam a produtividade. Segundo estudo realizado pela Dell, mais de ⅔ das empresas que permitem o BYOD têm visto um aumento considerável na produtividade dos colaboradores. Mais da metade das empresas pesquisadas pela Dell também acreditam que elas teriam de enfrentar desvantagens competitivas caso impedissem o  BYOD. Com isso, fica evidente que será um retrocesso proibir o uso de equipamentos pessoais nas empresas, pois é uma tendência difícil de ser controlada.

 

Conclusão

Após conferir os seis motivos que garantem o aumento da produtividade, fica evidente que as empresas que adotam o BYOD passarão por uma revolução, afinal, essa mudança de comportamento já se consolidou em boa parte das empresas. Se a sua ainda não adotou o BYOD, talvez seja a hora de rever o planejamento.

Segundo a Cisco, os funcionários que trabalham com esse modelo estão ganhando uma média de 37 minutos de tempo produtivo por semana e a implementação do sistema gera US$ 350 de valor por empregado móvel anualmente. Essa informação foi baseada em uma pesquisa realizada com 2.415 trabalhadores remotos de 18 indústrias, em seis países - Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha, China, Índia e Brasil.

Ainda de acordo com a Cisco, se as empresas implementarem uma estratégia de BYOD abrangente, podem aumentar o valor de seus trabalhadores móveis, para US$ 1.650 por trabalhador ao ano. No entanto, quase ¾ das empresas que permitem o BYOD não têm uma estratégia abrangente, segundo a pesquisa. "Uma das nossas principais conclusões é que BYOD está tornando-se global," conta Jeff Loucks, gerente sênior de Internet Business Solutions Group da Cisco. Com base em pesquisas, a Cisco prevê que haverá 405 milhões de dispositivos BYOD nas empresas, nos países analisados, em 2016.

 

Fontes:

http://www.fiercemobileit.com/story/cisco-byod-improves-employee-productivity-lowers-enterprise-costs/2013-05-24

http://blog.voxer.com/2014/09/15/six-ways-byod-increases-enterprise-productivity-and-profits/

Tags: BYOD

 

 

 

 

 

Please reload

Posts Recentes
Please reload

  • Wix Twitter page
  • Wix Facebook page
  • Wix Google+ page
  • LinkedIn Social Icon